Selecione seus Ingressos

Ingressos Entrada Prioritária: Coliseu, Fórum Romano e Monte Palatino

Ingressos Eletrônicos Sem Filas

Acesso rápido às três principais atrações de Roma com entrada marcada

  • Evite as filas e siga direto aos primeiro e segundo andares do Coliseu, onde você pode realmente observar esta estrutura imponente em plena glória.
  • A entrada no Coliseu é agendada, mas você pode visitar o Foro Romano e o Monte Paladino no mesmo dia ou no dia seguinte. Você escolhe!
  • Ingressos com preços reduzidos: para os ingressos sem filas, menores de 18 anos podem acompanhar os visitantes pagando uma taxa de 2 euros.
  • Ingressos não podem ser cancelados, alterados ou reagendados após a compra.
+ Leia Mais

Percorra o caminho dos antigos romanos e testemunhe uma das maiores maravilhas arquitetônicas do mundo. O Coliseu atrai mais de cinco milhões de pessoas todos os anos, o que o torna um dos destinos mais populares da Itália. Também conhecido como Anfiteatro Flaviano, este auditório ao ar livre em formato oval serviu outrora como palco para gladiadores e espetáculos públicos. Possuindo acomodações para 60 mil pessoas sentadas e 10 mil em pé, todas elas podendo entrar e sair em questão de minutos em 80 diferentes entradas, o Coliseu é o maior anfiteatro já construído. Com 48 metros de altura, apenas oito metros a menos do que a Torre Inclinada de Pisa, e cobrindo uma área total de 24 mil metros quadrados, a enorme arena também apresenta uma vasta estrutura subterrânea chamada "hipogeu", um lugar onde os historiadores acreditam que gladiadores, prisioneiros e animais eram mantidos.

O Coliseu está situado a leste do Fórum Romano e do Monte Palatino. Outrora o epicentro dos acontecimentos sociais de Roma, o Fórum abriga hoje belas ruínas que representam diferentes épocas da vida na cidade. É um dos sítios arqueológicos mais importantes do mundo e oferece aos visitantes a oportunidade de desvendar um pouco da vida no Mundo Antigo. Habitado desde 1000 a.C., o Monte Palatino é a parte mais antiga da cidade. Outrora a casa dos imperadores, o monte é uma área verde pacífica com flores silvestres e locais ideais para piqueniques, além de possuir as melhores vistas da cidade.

Fatos Interessantes sobre o Coliseu

  • A construção do Coliseu levou apenas 10 anos, começando em 70 d.C. e terminando em 80 d.C., usando mais de 60 mil judeus como escravos.
  • O Coliseu é um edifício elíptico de 189 metros de comprimento e 156 metros de largura, com uma área de base de 24 mil metros quadrados e uma altura superior a 48 metros.
  • É o maior anfiteatro do mundo e tem mais de 80 entradas, podendo acomodar cerca de 50 mil espectadores.
  • Havia 36 alçapões na Arena, permitindo a elaboração de efeitos especiais.
  • Estima-se que mais de 500 mil pessoas perderam a vida e mais de um milhão de animais selvagens foram mortos ao longo dos anos em que o Coliseu era palco de jogos entre pessoas e animais.
  • Todos os romanos antigos tinham entrada livre no Coliseu para eventos, e também recebiam comida durante os espetáculos.
  • Os festivais, assim como os jogos, podiam durar até 100 dias no Coliseu.
  • Os romanos antigos às vezes inundavam o Coliseu e organizavam batalhas navais em miniatura no interior como forma de entretenimento.
  • A fachada de mármore e algumas outras partes do Coliseu foram utilizadas para a construção da Basílica de São Pedro.
  • Muitos desastres naturais devastaram a estrutura do Coliseu, mas foram os terremotos de 847 e 1231 d.C. que causaram a maior parte dos danos vistos hoje.
  • O nome original do Coliseu era Anfiteatro Flaviano, que recebeu o nome da Dinastia Flaviana dos Imperadores.
  • O monumento mais popular de Roma foi construído por três razões: como um presente aos cidadãos romanos da Dinastia Flaviana para aumentar sua popularidade, para encenar várias formas de entretenimento e para mostrar as técnicas da engenharia romana ao mundo.
  • O Coliseu foi usado para lutas entre gladiadores e espetáculos públicos, como caçadas de animais, batalhas marítimas simuladas, reencenações de batalhas famosas, execuções e dramas.
  • Durante os jogos inaugurais do Coliseu em 80 d.C. realizados por Titus, cerca de nove mil animais selvagens foram abatidos.
  • Em 107 d.C., o Imperador Trajano teria comemorado suas vitórias em Dacia com batalhas envolvendo 11 mil animais e 10 mil gladiadores em 123 dias.
  • Estima-se que os jogos realizados no Coliseu durante centenas de anos tiraram a vida de cerca de 500 mil pessoas e mais de um milhão de animais selvagens.
  • As últimas lutas de gladiadores ocorreram em 435 d.C. e as últimas caçadas de animais pararam em 523 d.C. Isso ocorreu principalmente devido ao custo de aquisição de animais e gladiadores e à manutenção das dispendiosas instalações.
  • Mais de 100 mil metros cúbicos de mármore travertino foram utilizados para a parede exterior do Coliseu, colocada sem argamassa e mantida unida por 300 toneladas de grampos de ferro.
  • O Coliseu foi construído perto da estátua gigante de Colosso, que fazia parte do Parque Nero, e foi por isso que recebeu esse nome.
  • Com base em evidências históricas, cerca de 200 carros de boi foram usados para transportar mármores até o canteiro de obras.
  • A quantidade total de mármores utilizados para a construção do Coliseu foi estimada em 100 mil metros cúbicos.
  • Recebendo milhões de visitantes todos os anos, o Coliseu é a atração turística mais famosa de Roma.
  • Apesar das brutais origens pagãs, o Coliseu tem sido usado como um espaço de culto pelos cristãos ao longo dos séculos. Uma grande cruz foi removida na década de 1870 durante um momento insano de arqueologia secular financiado pelo novo estado italiano. Essa cruz foi substituída por Mussolini em 1926, em um cínico esforço de agradar os católicos.
  • Os gladiadores eram pessoas marginalizadas na sociedade romana, sem os direitos de cidadania, e essencialmente (ou literalmente) escravos.
  • Embora os espetáculos gladiatórios dos romanos tenham sido encerrados por volta de 432 d.C., não foi por causa de nenhum édito cristão. Foi principalmente devido ao custo da aquisição de animais e gladiadores e da manutenção da dispendiosa instalação, que já estava a deteriorar-se.
  • A área abaixo do Coliseu chamava-se Hipogeu (que significa subterrâneo). O hipogeu consistia-se de uma rede subterrânea de dois níveis de túneis e 32 currais de animais. Tinha 80 poços verticais que permitiam o acesso instantâneo dos animais à arena.